Fechar

Registe-se no nosso site

Poderá aqui fazer o seu registo no nosso site, onde poderá usufruir de informação dirigida especialmente para os nossos munícipes e onde haverá sempre novidades.
Centro Cívico de Carnaxide
Registo
Zona Wireless Gratuita em Carnaxide - Oeiras
Carnaxide na WEB

Arranje a minha rua

Arranje a minha rua - Serrviço da Junta de Freguesia de Carnaxide
Arranje a minha rua
Utilize este formulário para solicitar intervenção
Siga este link... 
Equipamentos Religiosos PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

SANTUÁRIO DE NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO DA ROCHA


Localização: Estrada da Rocha, em Linda-a-Pastora

Dados Históricos: No dia 31 de Maio de 1822 foi encontrada numa gruta, nas margens do rio Jamor, perto do Casal da Rocha, uma imagem da Santíssima Virgem com o nome de Conceição.
Por não haver local apropriado para venerar a Santa, a sua imagem foi transferida para a Sé de Lisboa, onde permaneceu 60 anos, e mais tarde para a Igreja de S. Romão de Carnaxide, onde esteve 10 anos.
Foi então construído um templo – o Santuário de Nossa Senhora da Conceição da Rocha – por cima da gruta da aparição, para que acolhesse com dignidade a Virgem. O projecto do Santuário da Rocha deve-se ao arquitecto José da Costa Sequeira, sobrinho do grande pintor Domingos António de Sequeira.
O santuário foi construído entre 1830 e 1892, tendo sido inaugurado em 1893.
Todos os anos, em Maio, realiza-se uma romaria em honra de Nª Sª da Conceição da Rocha.
O santuário pertence à Irmandade de Nossa Senhora da Conceição da Rocha, Paróquia de Carnaxide.

Edição CMO “ Património – História” Dra. Filomena Serrão

 Santuário da Rocha JFC Altar do Santuário da Rocha JFC 

 

IGREJA DE S. ROMÃO

Localização: Rua Manuel dos Santos Mónica, em CarnaxideIgreja São Romão em Carnaxide JFC














Dados Históricos: Templo de origem muito antiga dedicado a S. Romão, padroeiro dos lavadores.
No local existiu uma ermida, que mais tarde, foi reconstruída e convertida em igreja paroquial.
Ao longo dos séculos, o edifício teve grandes alterações e remodelações.
A fachada é pontuada por duas torres sineiras e embelezadas com um curioso trabalho em cantaria.
A pia baptismal e o relógio de sol datam dos finais do século XVI (1588).
Há notícia da conclusão das obras da nave em 1683.
O edifício sofreu grandes danos com o terramoto de 1755. Para a sua reconstrução, contribuíram o povo de Carnaxide e o apoio do Rei D. José I.
 O interior, possui um rico acerco de azulejaria dos séculos XVII e XVIII. Estes belos painéis revestem a nave e a capela-mor.
No início do século XIX, a capela-mor foi novamente restaurada. Estes trabalhos tiveram a contribuição de alguns artistas famosos, tais como: o pintor Pedro Alexandrino e o mestre carpinteiro António Pedroso.

Edição CMO “ Património – História” Dra. Filomena Serrão


IGREJA DE NOSSA SENHORA DO AMPARO

Localização: Rua 25 de Abril - Centro Cívico de CarnaxideIgreja de Nossa Senhora do Amparo em Carnaxide JFC














Dados Históricos: É importante distinguir aqui uma zona nova no Centro de Carnaxide, onde actualmente fica situada a Igreja de Nossa Senhora do Amparo, da velha Carnaxide, onde está instalada a Igreja de S. Romão descrita anteriormente.
Ora, a Igreja de Nossa Senhora do Amparo, situada no cimo do jardim que enquadra o Centro Cívico, foi inaugurada em Outubro de 1995 pelo Cardeal Patriarca, D. António Ribeiro.
Trata-se de um espaço que goza de uma arquitectura moderna assente numa nave que se desdobra em dois planos frente a uma altar ladeado por escadarias que dão acesso aos coros e agrupamentos e onde não falta, evidentemente, a imagem de Nossa Senhora do Amparo.
Recuando no tempo, foi após o terramoto de 1755 que a freguesia de Carnaxide se tornou uma fervorosa devota de Nossa Senhora do Amparo. Segundo relatos do pároco da época, Sebastião Henriques, no dia 1 de Novembro de 1755, durante a missa na Igreja de S. Romão, a população sentiu um abalo de terra que abriu de imediato uma fenda na grossa abóbada da igreja. Então...

“Todo o povo apavorado aproxima-se da venerada imagem de N.ª Sr.ª do Amparo, gritando angustiado: - «Amparai-me oh Virgem!»
Vem novo abalo e a abóbada não se despenha, mas sim une-se e ninguém foi vítima do horroroso cataclismo”1

Em jeito de agradecimento, ainda hoje o povo festeja o dia da Nossa Senhora do Amparo a cada segundo domingo de Páscoa, tanto que, do ponto de vista religioso, diz o actual pároco que esta é...

“...uma comunidade com um projecto em construção e como tal nunca pode parar nem dormir sobre a obra realizada. Está aberta à Nova Evangelização, como nos é proposto pelo Bispo da Diocese para este ano pastoral, e atenta às necessidades dos mais necessitados... Mas não somos ainda o reflexo das comunidades cristãs primitivas, de quem se dizia «vede como se amam!»”2.


CAPELA DO CEMITÉRIO DA FREGUESIA DE CARNAXIDE

Localizada no Cemitério Paroquial de Carnaxide, construído em 1938, actualmente Património da Junta de Freguesia de Carnaxide.Capela do Cemitério da Freguesia de Carnaxide JFC